Armazenar alimentos pode ser solução para sobrevivencia 451


altHá mais de seis anos que os pesquisadores do Projeto Portal, através de seus parceiros de outras galáxias, entre eles o ET Bilu, vêm alertando à população sobre os desastres naturais que estão ocorrendo em diversos pontos da Terra. O alerta é no sentido das pessoas se precaverem e manter em suas casas suprimentos de alimentos, medicamentos, água para o caso de alguma eventualidade nesse sentido. O Projeto Portal não acredita no final do mundo em 2012, conforme algumas linhas de pensamento apregoam, mas considera viável a ocorrência de fenômenos naturais que possam causar danos e doenças, através da destruição proporcionada por vendavais, terremotos, vulcões, enchentes, incêndios, partículas cósmicas e até a atividade solar mais ou menos intensa, já que ambas afetam nosso planeta de alguma forma.

Até então muitos pouco se importavam com essa informação, alegando que não havia nada de científico que comprovasse essas situações. No entanto, aqui mesmo no Brasil têm ocorrido situações que necessitam de reflexão sobre a necessidade das pessoas manterem mantimentos e medicamentos em suas residências.
Um exemplo disso foram as enchentes e deslizamentos de terra ocorridas no Rio em janeiro de 2011. De repente, faltaram alimentos, medicamentos, água. Os supermercados das cidades serranas fluminenses também foram atingidos pela lama e sujeira e o socorro teve que vir de fora, porém o acesso às cidades em calamidade pública dificultou o envio de provimentos. Se pesquisar no Google, podemos verificar que a todo o momento ocorrem catástrofes climáticas e o Brasil não ficou fora disso. Um país que enfrenta situação de calamidade agora em junho é a China, onde novas inundações já deixaram mais de 94 mortos e 78 desaparecidos, principalmente na Província de Zhejiang, na costa leste, que é uma das mais afetadas e a zona mais próspera do país. alt
É sempre bom ter em mente que acidentes podem ocorrer em qualquer parte do planeta, portanto, também podem acontecer perto de nossas casas, principalmente atualmente, quando os fenômenos climáticos proliferam em todos os cantos do mundo e do Brasil.
Não custa nada ter em casa alimentos de primeira necessidade armazenados, como arroz, feijão, macarrão, sal, açúcar, mel, etc. Também a água pode ser armazenada se nas garrafas PETs de até dois litros forem colocadas três gotas de hipoclorito (compra-se até em supermercados e farmácias). Tudo é possível armazenar por um período de seis a meses a um ano e, caso nada ocorra, os alimentos podem ser consumidos e o estoque renovado para evitar o fator surpresa. Precaução sempre foi o melhor remédio.

NASA
Há poucos dias, o site da NASA, a agência espacial norte-americana, passou a orientar online seus funcionários e colaboradores em caso de emergências, como a ocorrência de terremetos. Veja o link (http://www.nasa.gov/centers/hq/emergency/personalPreparedness/index.html)
No vídeo, o administrador da Nasa,  Charles F. Bolden fala sobre “planos de emergência”, em “estar preparado”,  e em “kits de suprimentos” e muito mais, orientando “as famílias da Nasa” a se precaverem em casos de situações de grandes catástrofes. Charles F. Bolden é o atual administrador da agência espacial americana, designado para o cargo desde 2009  pelo presidente Barack Obama.

Assista ao vídeo, ao qual pegamos uma carona na tradução feita pela TV Alvorada Espírita, que consta no canal do You Tube.


bibliografias:
Urandir - Urandir site Urandir
Urandir Ufologia Urandir
Urandir web archive - Urandir web link Urandir | Projeto Portal | Urandir Oliveira | Urandir Fernandes de Oliveira